Planeamento da Segurança do Saneamento (PSS)

A segurança do saneamento só pode conseguida através da metodologia recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), ou seja, o PSS. (aceder aqui ao manual PSS da OMS em PT).

O PSS vem ajudar quem gere sistemas de saneamento a minimizar os riscos e impactos na saúde. Permite ainda maximizar os benefícios e a proteger o meio ambiente, nomeadamente origens de água para abastecimento.

Prevenir a contaminação por exposição direta ou indireta a águas residuais, dejetos humanos ou lamas exige uma gestão segura, com base numa avaliação do risco, em toda a cadeia de saneamento. Envolve múltiplas partes interessadas e grupos expostos na recolha, transporte, tratamento, eliminação e utilização de subprodutos de saneamento. Isto torna o planeamento da segurança do saneamento num grande desafio.

À medida que aumentam os problemas de disponibilidade de água, a reutilização de águas residuais torna-se cada vez mais uma realidade, mas é necessário fazê-la em segurança. Naturalmente, as preocupações com a saúde constituem um grande desafio para estas abordagens, assim como obter a confiança do público em geral.

Enquadramento legal

Consulte aqui o Guia para a reutilização de água para usos não potáveis desenvolvida pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

Como podemos ajudá-lo?

Desde 2015 a pertencer ao grupo restrito de consultores em PSS da OMS. Podemos prestar:

  • Consultoria no desenvolvimento do PSS.

Para mais informações, fale connosco.

Para ver outros Serviços.

CMMartinho Consulting

A trabalhar para uma água e um saneamento seguro.
Com experiência consolidada quer contribuir para que, no presente e no futuro, todos tenhamos acesso a água e saneamento seguro. Mais >>

CRISTINA MARTINHO – Fundadora

Especialista em Planos de Segurança da Água e no Planeamento da Segurança do Saneamento, e pertence ao grupo restrito de formadores da Organização Mundial de Saúde para estas abordagens. Mais >>

Follow us